AMBIENTAR no Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva

    AMBIENTAR no Empreendimento de Fins Múltiplos de Alqueva

    O consórcio FASE/NORÁQUA/AMBIENTAR está a desenvolver, para a Empresa de Desenvolvimento e Infraestruturas do Alqueva (EDIA), o Projeto e o Estudo de Impacte Ambiental (EIA) do Circuito Hidráulico de Póvoa-Moura e respetivos blocos de rega.

    As empresas FASE e NORÁQUA desenvolverão o projeto, estando a cargo da AMBIENTAR a realização do EIA. O circuito hidráulico Póvoa-Moura será composto de uma captação na albufeira do Alqueva, respetiva conduta elevatória, três reservatórios, uma pequena estação elevatória intercalar e rede de coletores que servirão três blocos de rega, permitindo regar uma área aproximada de 10.000 ha.

    Refira-se que o Circuito Hidráulico de Póvoa-Moura e respetivos blocos de rega constitui um dos maiores projetos de rega lançados pela EDIA. A AMBIENTAR já havia estado anteriormente envolvida na fiscalização ambiental de algumas empreitadas de construção referentes a outros projetos da EDIA, como os blocos de rega de Aljustrel e de São Matias e os circuitos hidráulicos de Beringel-Álamo e de Baleizão-Quintos.